Categorias

Dificuldades no casamento? Veja como fazer o amor dar certo
Ipê Roxo - Instituto de Constelação Familiar | 14/09/20 | 0 comentário(s)

 

É comum relatos de casais com dificuldades no casamento. Mas, você já parou para pensar por que isso acontece? 

Desde dos primórdios o amor foi o tema central nas relações humanas e também foi expressado em diversas artes. A busca pelo grande e verdadeiro amor sempre foi o grande alvo. 

As dificuldades no casamento podem resultar em situações problemáticas e quando não resolvidas, acabam em cenários como brigas constantes e divórcios. Segundo uma pesquisa feita em 2019 pelo IBGE, para cada 3 casamentos, um divórcio ocorre. Olhar para tais dados com respeito e amor, é justamente o que iremos abordar nos tópicos deste artigo.

Quem não deseja que o amor finalmente dê certo, assim como nas mais lindas histórias românticas? Quando um homem e uma mulher se encontram e desejam seguir juntos, dizem um ao outro: Eu amo você! Porém, muitas coisas se opõem ao amor. Diversas histórias nos mostram que, o amor pode dar certo mesmo com contraposições e despedidas. Nem sempre essas questões contrárias são ruins. Muitas vezes elas revelam influências de acontecimentos nas famílias de origem de cada um, trazendo consigo algum benefício. 

Com o olhar de um amor maior, ambos, homem e mulher, podem perceber tais influências, os destinos difíceis de sua família de origem, que ainda os prende e se despedirem com reverência e respeito. De forma simples, pode-se identificar esses destinos difíceis, porém a compreensão quanto à desvinculação é um pouco mais complexa. 

Antes de avançar na leitura, lembre-se de baixar gratuitamente nosso eBook sobre constelações familiares. Amplie seu conhecimento sobre os ensinamentos sistêmicos de Bert Hellinger.

E-book de constelações familiares

Agora, vamos falar sobre as dificuldades no casamento e como lidar com elas? Esperamos compartilhar uma melhor compreensão sobre esse tema tão precioso. 

 

Dificuldades no casamento: principais queixas dos relacionamentos de casal

Quando um homem e uma mulher se encontram e se apaixonam, ambos são tomados por uma felicidade inexplicável. Uma paixão cega os tira do chão e guia até o céu, onde se encontra o “parceiro ideal’. Esse movimento, faz com que um coloque o outro em um pedestal, impedindo que enxerguem o que é real. 

É um fenômeno forte e a pergunta que fazemos é: todo esse amor é capaz de sustentar de forma boa e duradoura esse casal? O casamento e a vida à dois pedem um amor real, cujo pés devem permanecer no chão. 

O parceiro ideal é um regresso à infância, pois colocamos o parceiro num lugar de suprir as necessidades que temos, como se fôssemos uma criança. Porém, quando permanecemos no amor bem comum, a relação acontece entre adultos, é profunda e forte. Os pontos de conflitos não são ignorados,  eles vêem à tona e são tratados. 

A cada conflito, o casamento passa por provas em que o casal persevera e se qualifica para o próximo passo, com esperanças renovadas. As dificuldades no casamento, conferem maior e melhor entendimento sobre cada um deles. Eis alguns pontos que devem ser considerados:

  • Falta de comunicação: Esse é um dos principais fatores que desgastam a vida à dois. Comunicação é essencial para qualquer relação e quando ela não ocorre, o não dito pode corroer o sentimento e a cumplicidade do casal. Na relação adulta, ambos falam, ambos escutam;
  • Atitudes individualistas e destrutivas: Quando um parceiro tende a ser mais individualista, ignorando a necessidade do outro, com comentários e posturas destrutivas, isso acaba afastando o outro e destruindo seu sentimento. Individualismo se encontra em relações infantis;
  • Distância e evasão do relacionamento: O ponto anterior faz com que o parceiro tome uma atitude mais defensiva e que o leva a se afastar. De forma sutil, esse distanciamento acontece ao longo tempo no relacionamento. O resultado dessa evasão, são dificuldades acumuladas e não tratadas;
  • Diferenças não resolvidas: Os pontos cegos e não ditos aparecem em algum momento. Eles são reais, mas será que merecem atenção? Essas diferenças que aparecem são desafiadoras e ao mesmo tempo, impulsoras ao crescimento. Porém, se não forem resolvidas, geram dor, mais afastamento, mais dificuldades. Sair da inocência e culpa infantil é o caminho. Numa relação adulta, cada um assume suas próprias responsabilidades.

Para cada casal as dificuldades no casamento se manifestam sob diferentes formas. As principais dores citadas acima são recorrentes nas pessoas que nos procuram. Todos esses “nós”, nos levam ao próximo tópico. Continue acompanhando:

 

Estamos constantemente em busca do parceiro ideal

Todos temos internalizado um parceiro perfeito, aquele que supre todos os nossos desejos. Porém, será que um amor construído em cima dessa paixão avassaladora é forte o suficiente para sobreviver?

casal apaixonado namorados constelação familiar

Como dissemos no tópico acima, quando essa idealização não tem as expectativas correspondidas, traz frustrações e dificuldades no casamento. Mas, seguimos aprofundando o tema com um grande questionamento: Será que existe o parceiro ideal? 

Talvez essa busca seja algo primitivo, uma procura por aquele que conforta a nossa criança interior. Estar apaixonado, significa eu não vejo o outro. 

O que estaríamos vendo? Vemos uma imagem interna que trazemos com um anseio profundo de nossa alma: nossa mãe, nosso primeiro amor. É o amor à primeira vista, o anseio pela mãe. Homens e mulheres que se encontram nesse lugar, estão em busca do parceiro ideal para atender suas demandas infantis. 

Quando finalmente percebemos que esse ser idealizado nunca vai existir, o amor real pode ser uma chance e verdadeiramente aflorar. Esse amor vê o outro como um ser inconfundível, real e presente. 

Amor real pede renúncia do amor à primeira vista para o amor à segunda vista. É a relação sólida, sábia e prudente, onde o homem permanece homem e a mulher permanece mulher. Ambos se olham da forma que são, diferentes e equivalente, podendo permanecer assim.

 

Só se pode amar o imperfeito, o perfeito não nos atrai

Segundo Bert Hellinger, o criador das Constelações Familiares “Só podemos amar o imperfeito, porque o que foge disso não nos atrai”. 

Isso ocorre porque a partir do momento que aceitamos a imperfeição do outro, aceitamos seus defeitos, dificuldades e diferenças. Ao aceitarmos nossas próprias imperfeições, nos tornamos mais humanos. Nosso olhar fica mais simples e leve ao ver as imperfeições do cônjuge. 

O concordar com tudo como é e como se mostra, poderá acontecer de forma mais humilde e sábia. Assim, o verdadeiro autoconhecimento e o crescimento pessoal – e enquanto casal, a relação se fortalece. As renúncias acontecem e a paz entre os dois se estabelece.

 

Dificuldades no casamento: relação com a Lei do Equilíbrio

Existem forças em nossas vidas que atuam de forma invisível. Bert Hellinger as chamava de Leis do Amor

Elas agem em toda nossa existência, sem que possamos perceber. Escrevemos um artigo em nosso blog, explicando mais detalhes sobre elas, vale a pena conferir!

rosas vermelhas constelação familiar para o amor dar certo

Entre as três leis, a que mais se relaciona às dificuldades no casamento é a lei do equilíbrio.

 

A Lei do Equilíbrio

Talvez essa seja a lei mais abrangente do universo. Tudo que se dá, deve-se ter o retorno com a mesma energia e troca. Quando isso não ocorre, um acaba dando e cedendo mais que o outro e isso gera desequilíbrios e dores.

Amor saudável se sustenta quando há troca no dar e no receber. Quando a dinâmica dessa lei é quebrada o relacionamento acaba. Aquele que doou mais, fica com a sensação de vazio, não entende o que aconteceu. Pergunta-se: – Por que deu errado, se fiz tudo (e até mais) que podia? 

A troca saudável atenta para um limite. Discernir tal limite e respeitá-lo é humildade. 

Atenção, numa relação, posso dar apenas a quantidade que o meu parceiro possa retribuir. Por isso, o desrespeito a essa lei faz o amor desfalecer, tornando-o vazio depois de um tempo. 

Somente com um olhar simples, com renúncias, o dar acontece de forma justa. Cada um dá e recebe o que deseja, com o desafio de retribuir. Assim, ambos crescem mais e mais. E quando o casal permanece junto, ocorre de um tentar mudar o outro, para que o relacionamento volte ao equilíbrio, eis aqui uma ilusão insana. Esse é o melhor jeito de conduzir frustrações e promover o fracasso ao relacionamento. A mágica, é quando podemos perceber e compreender que homens e mulheres são equivalentes. Entenda:

 

Homens e mulheres são diferentes, porém equivalentes

O equilíbrio ocorre quando existe a equivalência. Porém, quando um acredita ser melhor que o outro, ou ainda ficam na ilusão da perfeição que não existe, isso acaba gerando as dificuldades no casamento.

casal sorrindo com flores ao fundo

Homens e mulheres precisam compreender que cada um possui sua diferença, porém ambos têm o mesmo peso e merecem a reciprocidade dentro do relacionamento. Sem o pensamento de que um está mais certo do que o outro, a ilusão é renunciada e o equilíbrio volta a reinar casamento. 

Permanecer no amor em equilíbrio, significa que tudo pode ser amado e incluído como é. Significa concordar com a própria vida e com a do cônjuge, sua família, o destino, enfim, tudo exatamente como é.

Dessa maneira ocorre o verdadeiro amor: eu te amo pelo que você é, da mesma maneira que você me ama pelo que eu sou. Em uma relação com equilíbrio, é preciso renunciar ao poder e a tentativa de encaixar o outro nas nossas fantasias de perfeição.

 

Dificuldades no casamento: Como fazer o amor dar certo?

Bert Hellinger, em diversos livros – como por exemplo em A Simetria Oculta do Amor – nos fala que o casal precisa se encontrar nas Leis do Amor, principalmente na parte do servir um ao outro de forma igual.

casal feliz no campo felicidade no amor

E essas ações precisam partir do coração, para que aquilo também toque o coração do companheiro. O servir não é no sentido depreciativo da palavra, mas sim, no sentido de entregar o melhor para fazer o outro feliz.

 

Servir um ao outro para ser feliz

Conforme falamos no tópico anterior, é preciso se entregar e prestar nosso amor, para trazer ao outro o verdadeiro amor. 

Existem 3 formas que demonstram como é possível servir para que ambos sejam felizes. É o servir que serve à vida. Entenda:

  • Esteja com o seu parceiro pelo simples prazer da companhia dele. Esqueça a necessidade de situações especiais, a simplicidade é o segredo.
  • Dê ao seu cônjuge o que ele precisa no dia a dia. E, isso pode ser feito com ações simples, como uma simples conversa de apoio ou um gesto de carinho e de cuidado.
  • Escolham coisas que tragam prazer para ambos. Isso vale desde frequentar uma religião, até tomar decisões importantes que impactam na vida do casal.

Quando ambos têm essa percepção e atitudes de forma igual, o casal está trabalhando em conjunto para que o amor e o relacionamento dê certo, cumprindo o que atraiu um ao outro inicialmente.

 

Buscar conhecimento e ajuda se necessário 

Caso as dificuldades no casamento estejam graves e difíceis de lidar, está na hora de buscar ajuda profissional

Dessa maneira, todos os entraves, diferenças e problemas podem ser vistas com a ótica do cuidado e carinho, analisando os pontos de atenção que ficaram perdidos, ou que foram suprimidos.

aperto de mãos força constelação familiar

Nesse sentido, a Constelação Familiar dispõe de ensinamentos sistêmicos, capazes de transformar vidas. 

Essa abordagem terapêutica breve ajuda na compreensão da atuação das Leis do Amor na família, buscando encontrar os problemas em sua raiz e conduzindo os casais para caminhos de solução às dificuldades no casamento. 

É possível desvincular-se dos destinos que prendem e colocam o homem, a mulher, ou ambos fiéis aos eventos de suas famílias. Nos embates, normalmente não há culpados, há emaranhamentos que não são percebidos. Quando estes destinos vêm à luz, cada um pode se desvincular e seguir com o que é seu, se desprender, porém permanecer vinculados. Homem e mulher mudam para melhor. Nada mais poderá se opor à sua felicidade. O novo obtém o SIM!!

 

A Constelações e os bons presentes que traz para o amor

Neste artigo buscamos demonstrar que as dificuldades nos relacionamentos podem ser amenizadas ou mesmo solucionadas, com um olhar de carinho e mudanças de postura. 

Além disso, ressaltamos a importância do equilíbrio e de abrir mão das ilusões, para que a felicidade volte a reinar no casamento.

Temos diversos artigos em nosso blog, em que abordamos o tema relacionamentos entre casais. Acesse e confira!

Aqui no Instituto Ipê Roxo, buscamos apoiar os casais que passam por dificuldades e estão precisando de auxílio na sua caminhada em busca do amor, assim como ensinamos os conhecimentos de Bert Hellinger para profissionais da ajuda, que desejam também auxiliar seus clientes/pacientes a encontrar o amor em suas vidas. Conheça nossos cursos, formações e workshops, nos modos online e presencial!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

E-book Gratuito sobre Constelações Familiares:

ebook-constelações-familiares

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades


cursos Instituto Ipê Roxo

Posts relacionados

Rua Professor Ayrton Roberto de Oliveira, 64 – 7º andar
Itacorubi, Florianópolis – SC
– Brasil
Fone: +55 48 9 9177-0079