A boa informação escondida na doença – Constelação Familiar e Saúde

Teremos aqui na nossa sede do Instituto Ipê Roxo o Seminário de Saúde Sistêmica – O olhar das Constelações Familiares para a Saúde. O seminário ocorrerá nos dias 12 e 13 de abril de 2019.

Em todo o nosso tempo atuando, primeiramente como profissionais de psicologia e em seguida como Consteladores, fomos aprendendo a refinar o ouvido para o chamado do corpo. Uma forma de atenção que auxilia a ter mais clareza naquilo que atua na saúde humana.

E principalmente, através das Constelações Familiares, percebemos que o nosso corpo e nossa saúde tem muito a nos dizer. E quando ouvimos, ficamos mais próximos da possibilidade da cura.

Há um desafio para algumas pessoas aqui: se estamos habituados a pensar no nosso corpo como uma máquina, mecânica, podemos ignorar que nossa saúde é constituída de contextos e camadas para muito além do que é perceptível aos olhos.

Ao olhar para o histórico familiar, as experiências tidas por antepassados (perdas, mortes, guerras, separações…) e nosso vínculo com nossa rede familiar, vamos percebendo que nossa saúde é também um meio de expressão destes acontecimentos.

O vínculo

Isso significa que pelo olhar da Constelação Familiar e Sistêmica, nossa saúde também está à disposição do nosso vínculo e para o cumprimento do que Hellinger descobriu ser as 3 leis dos relacionamentos humanos.

“A doença é o sinal de que existe algo que aguarda para ser colocado em ordem. É sempre o amor que coloca algo em ordem. Principalmente o amor a um excluído que não tem lugar. Esse amor quer sempre mais. Também a doença quer sempre mais. O movimento em direção ao mais é um movimento em direção à saúde.” Bert Hellinger, no livro A Cura.

Essa identificação através da doença é possível observar no atendimento das Constelações Familiares.

Quando colocamos um representante para a doença ou uma questão de saúde de um cliente, aos pouco vamos encontrando as relações que surgem do seu sistema familiar.

Muitas vezes, a doença atua num trabalho profundo de amor ao vínculo. Um amor que se conecta inconscientemente na dor, repetindo o que foi difícil para uma pessoa da família.

Estudos

Um dos profissionais mais reconhecidos neste campo de Constelações e Saúde é o terapeuta alemão Stephan Hausner.

Em seu livro, Hausner descreve muitos atendimentos de clientes que trouxeram questões difíceis de saúde. Situações como câncer, problemas digestivos, problemas emocionais, entre muitos outros. E como este trabalho auxilia como ferramenta de cura no tratamento tradicional.

“Essas luzes obtidas na Constelação sobre as origens – frequentemente transgeracionais – de suas doenças e seus sintomas são consideradas por muitos pacientes como um processo de alcance muito profundo e liberador” Stephan Hausner, no livro “As Constelações Familiares e o caminho da Cura”.

Neste livro, Hausner acompanhou casos onde percebeu-se a relação entre o trabalho feito com as constelações em temas de saúde e resultados dos pacientes que passavam por esse processo.

Ao contrário de uma visão mecanicista, onde temos em nosso sistema corporal apenas causa e efeito como explicação para as doenças, a Constelação amplia esse olhar considerando que nossa saúde pode sintomatizar traumas e questões difíceis de nossa vida e da nossa história familiar.

constelacao familiar ipe roxo

Ampliando o olhar

A partir daí, a Constelação oferece a forma de verificar este vínculos, atuando de forma muito profunda e ligada com a imagem inconsciente que o paciente tem de sua questão.

O paciente, por sua vez, ao ver o que atua em seu inconsciente, acessa uma nova possibilidade de movimentar-se no seu processo de cura, não tão mais refém daquilo que atua dentro de si.

É esse processo que será abordado neste seminário que estamos preparando, e que está chegando à sua terceira edição.

Seguindo aquilo que é trazido por Hellinger e no olhar das Constelações, durante 2 dias vamos abordar questões de saúde dos participantes dos seminários sob esta ótica, e dessa forma, aprendendo e observando aquilo que atua nas nossas questões de saúde.

É uma excelente oportunidade para todos que trabalham como profissionais de saúde e terapeutas. Mas também para pessoas que se encontram em tratamento de questões de saúde, uma vez que o evento é aberto ao público em geral.

Informações Gerais

Quando

12 e 13 de abril de 2019

Horário

Sexta-feira e sábado – das 9 às 18

Facilitadora

Maria Inês Araújo Garcia Silva – Psicoterapeuta e Consteladora Familiar

Onde

Instituto Ipê Roxo Florianópolis

Rua Ayrton Roberto de Oliveira – 64, Andar 7 – Bairro Itacorubi – Florianópolis Santa Catarina – Brasil. Edifício Comercial Isola Sarezzo, próximo ao CEPON e Hotel Mercury.

contato@insitutoiperoxo.com.br

 

Valores e Condições de pagamento

Valor total do Seminário: R$ 1.110,00

Taxa de inscrição no valor de R$ 185,00 que será abatida no valor total do seminário

  • CONDIÇÃO ESPECIAL para pagamento até 10/02/2019 – 6 X 185,00 – sendo a taxa de inscrição de R$ 185,00 e mais 5 x 185,00.
  • A PARTIR de 11/02/2019 – taxa de inscrição de R$ 185,00 + 4 parcelas de R$ 231,25 com cheque ou cartão

Saiba mais sobre o Seminário de Saúde Sistêmica

Ou também sobre qualquer informação que você deseja sobre nós, utilizando o formulário abaixo.

 

Um comentário em “A boa informação escondida na doença – Constelação Familiar e Saúde

Deixe uma resposta