Como a Constelação Sistêmica pode auxiliar sua atuação profissional?

A constelação familiar de Bert Hellinger é uma ferramenta que muitos identificam como pertencente exclusivamente ao campo do serviço psicológico e de ter uma aplicação unicamente em terapias.

Mas na verdade Bert Hellinger, o terapeuta e filósofo por trás dessa abordagem, tem uma visão muito mais ampla. Ele defende que a constelação consiste numa postura que pode ser aplicada na vida como um todo, em suas diversas áreas.


Isso significa que além de psicólogos e outras profissões ligadas à ajuda, muitas outras àreas se beneficiam grandemente da abordagem trazida pela constelação.


Nos alunos que se lançam no estudo através de nossos cursos de formação, verificamos sempre um espectro muito amplo de profissões. Há administradores, advogados, professores, militares, médicos e muitos outros campos de trabalho. E claro, existem muitos psicólogos.  

Mesmo nos primeiros contatos com os conhecimentos da Constelação, já é possível perceber que o que aprendemos através dela é aplicável diariamente, e traz benefícios e movimentos interessantes para quem dispõe dessa ferramenta. Esse conhecimento de vida que é a Constelação contribui para o sucesso, a continuidade das relações e leveza na vida pessoal e profissional.

 

Um nova postura

Conhecer a constelação é estar alinhado às leis que regem os relacionamentos entre as pessoas. É descobrir e alimentar uma nova postura que nos leva a ver nossa história – e consequentemente a história dos que se relacionam conosco – de uma outra forma. Mais significativa e embasada.

Aprendemos como nos perceber e nos colocar no nosso lugar dentro dos mais variados sistemas. Descobrimos a importância de sugerir o novo sem desmerecer o caminho que nos trouxe até este momento.

Percebemos porque a consciência que nos rege pode nos colocar em armadilhas, tanto no ambiente familiar quanto no trabalho. Tudo em nome da pertencimento. A medida que seguimos no estudo, novas aplicações no nosso dia-a-dia vão se descortinando em nossa frente. Vamos aprendendo a decifrar onde a “inocência” nos segura e a “culpa” nos coloca em movimento.

Aprendemos a perceber a força de ações ou atitudes, ou também a falta dela, dependendo apenas para onde olhamos em nosso centro. Passamos a verificar nossas ações pela ótica das Constelações, e o resultado disto é surpreendente.

Mas será que é para mim?

A resposta curta: SIM!

A experiência e o conhecimento que são trazidos pela Constelação de Bert Hellinger é valiosíssimo para nosso desenvolvimento pessoal. E quando enriquecemos nossa visão pessoal, estamos trazendo também novas possibilidades para o nosso trabalho.

Num primeiro momento, a constelação nos ajuda a perceber qual pode ser a fonte de nossas dificuldades humanas, que podem ser com a saúde, às vezes com um relacionamento, outras com o sucesso e com o bom andamento de nossa carreira. Mas extrapola, e muito, essa aplicação.

Ela se torna uma postura, muito produtiva, nos nossos relacionamentos e nosso entendimento do mundo. Conseguimos olhar com mais clareza para nossos pontos fortes e também para aquelas características que precisamos melhorar.

 

Eu não sou psicólogo, como posso me beneficiar deste conhecimento?

 

Esta é uma confusão feita por muitas pessoas. A constelação Familiar, trata-se, antes de tudo, de um conhecimento sobre relacionamentos e a influência que membros de um sistema realizam entre si.

Então, em qualquer meio que há interação entre pessoas ela pode ser aplicada.

Ela é uma ferramenta que está se difundindo sobretudo no campo terapêutico, mas suas aplicações vão muito além, e encontram excelentes resultados em muitas outras profissões.

Para ajudar na visualização, trouxemos alguns exemplos da aplicação em outras áreas.


Profissionais de Administração, Recursos Humanos, Marketing, Secretariado.

 

Em uma matéria do site da revista Exame é falado sobre o uso das Constelações Sistêmicas de Bert Hellinger dentro dos processos decisórios e estratégicos da empresa americana General Eletrics (GE).

A matéria explica que no âmbito das organizações, a Constelação pode ser usada para buscar respostas sobre diversas questões e ajudar na tomada de decisões empresariais como, por exemplo, avaliar o impacto de novas estratégias e estruturas, revelar como lançamentos de produtos serão recebidos pelo mercado, identificar dinâmicas de relacionamento entre áreas dentro e fora das empresas, entre outras. Desta forma, o cliente acrescenta perspectivas que vão além da análise cognitiva e incluem outras percepções que contribuem na tomada de decisões e na busca de soluções.” (Você pode ler a matéria completa aqui)

Além do uso na decisão estratégica, as constelações sistêmicas podem ser uma ferramenta para resolução de conflito entre membros de equipes de trabalho, avaliação pessoal de colaboradores, dificuldades provenientes das dificuldades na história da empresa, entre outros. Toda empresa, como um sistema que é, pode olhar seus processos através da constelação Sistêmica.

Aos profissionais que a gerem, empresários, funcionários, equipe de Recursos Humanos e marketing, todos podem se beneficiar do conhecimento dessa abordagem que traz insights e mudanças profundas a quem as utiliza.

“Observando a dinâmica, tive vários insights sobre o que estava acontecendo e que eu não estava vendo. Com estes insights, tomamos ações, ajustamos o projeto da nova estrutura e reconheci que a transformação era mais profunda e complexa do que eu estava vendo. Cada uma das pessoas aprendeu muito e nos ajudou a enxergar coisas que não conseguíamos ver de outra forma. Foi uma intervenção que ficou e nós mudamos de verdade.”

Ana Lucia Caltabiano, VP de RH da GE para América Latina


Profissionais do Direito: Juízes, Advogados, Conciliadores, Promotores, Assistentes Sociais, entre outros da área Judicial.

A aplicação das Constelações na área Judicial é chamada de Direito Sistêmico, e serve em grande parte para auxiliar as partes no encontro de uma solução que atenda de forma mais efetiva as demandas (principalmente aquelas não verbalizadas) em uma ação judicial.

O Direito Sistêmico vem sendo utilizado em algumas áreas do nosso sistema judicial e alcançando resultados surpreendentes. Sami Storch, um juiz pioneiro desta utilização no mundo, alcançou mais de 90% de acordo nos processos em que utilizou esta abordagem. Além disso, a reincidência destes processos em novos casos foi muito baixa.

A Constelação Sistêmica auxilia principalmente ao permitir que as partes percebam quais outras dinâmicas atuam no movimento litigioso, e dessa forma, muitas das barreiras que se interpõem, caem. As parte podem se olhar e caminhar para uma solução que atenda os dois lados, da melhor forma possível.


Profissionais da Educação: Professores, Diretores de Escola, Conselheiros escolares.

Marianne Franke fala em seu livro “Você é um de nós”, sobre como a postura trazida pelas constelações ajudou a revitalizar o trabalho em sala de aula:

“Fiquei aliviada quando consegui transferir a visão “sistêmica” da terapia familiar para minha rotina diária na escola. Partindo dessa visão, as pessoas não são percebidas como indivíduos separados, mas sempre como uma parte de um contexto de relacionamento. Com isso a minha missão como professora se apresentou sob uma outra ótica. A nova maneira de olhar provocou alegria nas crianças e em mim, surgindo daí muitas ideias de como a escola pode ser vivida.”

Sabemos dos desafios que estes profissionais encontram hoje na sala de aula e no ambiente de trabalho. Por esse motivo, e depois de ver tantos resultados transformadores, que nos alegramos ao perceber a grande oportunidade que é trazida pelas constelações para o setor de educação e para os profissionais que fazem parte dele.

É uma postura que traz benefícios para os professores, alunos e todos os familiares, aumentando o rendimentos e trazendo um desenvolvimento duradouro para crianças e adolescentes.


Profissionais da Saúde: Médicos, Enfermeiros, Cuidadores, Profissionais de ajuda entre outros.

Algo surpreendente nas Constelações Sistêmicas é como dinâmicas ocultas que agem em nossa saúde são descobertas. Muitas de nossos problemas de saúde são sintomas de algo não resolvido e processado em nosso sistema familiar.

Para estes profissionais, a Constelação atua como um suporte na hora de olhar para as doenças e perceber o que atua por trás da manifestação do problema de saúde.

Ela não é um substituto para o tratamento, mas ajuda muito ao permitir ao paciente acessar o que pode estar atuando no fundo de sua dificuldade. Muitas vezes, o sintoma reduz muito após uma constelação, tornando as possibilidades de sucesso de um tratamento mais favoráveis.


É para você também!

As constelações de Bert Hellinger são uma ferramenta de vida. Todos nós, como humanidade, podemos aproveitar dos muitos benefícios que ela traz para nossa experiência e desenvolvimento.

Por ser uma ferramenta que olha para os relacionamentos, estamos em contato com oportunidades de uso de seus conhecimentos diariamente. E experimentamos na prática seus efeitos em nossa vida.

Então, mesmo que pareça que o que você faz, tanto em sua vida profissional quanto pessoal não tem nada a ver com Constelação, pense de novo. Você irá se surpreender o quanto esta ferramenta pode auxiliar você e seus relacionamentos na construção de uma vida com mais significado e leveza.


Ainda tem alguma dúvida ? Entre em contato!

 

Um comentário sobre “Como a Constelação Sistêmica pode auxiliar sua atuação profissional?

Você gostou deste post? Trouxe algo novo? Agradecemos seu comentário para que possamos melhorar nosso conteúdo.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s